• Sexta-Feira, 04/12/2020
  • Brasília, C
Entretenimento, informação, crônicas, horários de ônibus e muito mais. Tudo em um só lugar.
Brasília é Aqui: Entretenimento, informação, crônicas, horários de ônibus e muito mais. Tudo em um só lugar.

Como é morar no Sudoeste em Brasília? - De Brasília


Foto: Renato Araújo / Agência Brasília

Você que reside em Brasília, já imaginou como é morar no Sudoeste, uma região administrativa com uma ampla infraestrutura e muitas opções voltadas para a educação, cultura e lazer?

Com uma vasta gama de ofertas também na área comercial, o Sudoeste foi criado em 1980 e ainda está em expansão. Isso acontece de modo a fazer com que todos os moradores consigam cada vez mais conforto, qualidade de vida e segurança.

Além de estar localizado em um ponto bem centralizado, com diversos parques e outras opções de lazer, a RA ainda conta com centros comerciais, hospital, escolas e tudo o mais que possa garantir que as necessidades dos moradores sejam atendidas da melhor maneira possível.

Neste texto você irá saber mais sobre como é morar no Sudoeste em Brasília, conhecer a história desta RA, além de muitas outras informações sobre o local.

Então, continue lendo esta postagem até o final e tenha acesso a todos estes dados sobre este ponto maravilhoso do DF!

Sudoeste – saiba como foi o surgimento da RA

O Sudoeste surgiu definitivamente nos anos de 1989, mas foi durante os anos de 1970 que tudo de fato teve início, quando algumas pessoas começaram a habitar e construir as chamadas Áreas Octogonais.

O idealizador do projeto foi o urbanista Lúcio Costa, que deu prosseguimento ao Brasília Revisitado, mas a habitação teve início oficialmente em 1993, quando a construção dos primeiros prédios do local foi concluída.

No entanto, a independência do bairro se deu somente no ano de 2003 e, nos dias de hoje, o Sudoeste possui uma população de aproximadamente 55 mil habitantes, sendo um dos pontos da cidade com maior IDH (Índice de Desenvolvimento Humano). 

Com cerca de 53% de seus habitantes atuando como funcionários públicos, o bairro assume características de pessoas com um alto poder aquisitivo, permitindo que o ambiente ofereça mais qualidade de vida. 

Tudo isso faz com que o IDH seja ainda mais elevado, podendo até mesmo ser comparado com o índice obtido pela Noruega.

No entanto, ao contrário do que muitos acreditam, o Sudoeste também oferece diversas opções de moradia para quem não possui um poder aquisitivo tão alto. 

E isso se dá devido aos vários apartamentos e kitnets disponíveis para quem deseja residir em um local que forneça mais infraestrutura, sem que seja preciso adquirir ou alugar um imóvel com um valor consideravelmente alto.

O Sudoeste recebeu este título por ter sido construído com áreas octogonais e setores de habitações coletivas, os quais fizeram parte do Cruzeiro até o ano de 2003.

Características da população

Como já mencionado, o Sudoeste possui uma população formada por mais de 50 mil habitantes, sendo que sua maioria são mulheres. Com relação à idade, a maioria possui entre 25 e 39 anos.

Além disso, outro ponto importante é o fato de a maior parte dos moradores serem formados por casais, famílias ou pessoas em situação de união instável, que faz com que a região tenha características de mais tranquilidade e menos badalação.

Infraestrutura

Desde sua criação, no final dos anos de 1980, o Sudoeste ainda está se desenvolvendo em termos de infraestrutura e expansão territorial, sendo que novas quadras, tanto comerciais quanto residenciais estão sendo construídas.

E essa grande expansão visa aumentar ainda mais a população local e fazer com que a economia local e de regiões que fiquem ao redor da RA sejam movimentadas.

Nos dias de hoje, o comércio do bairro é um dos que possuem maior diversificação de todo o DF, apesar de ter começado com menor impulso durante a criação da RA.

Na avenida principal de acesso é possível encontrar academias, bancos, supermercados e padarias, mas por todo o bairro os moradores têm acesso a esse tipo de empresas, além de um hospital, diversas escolas, postos de combustíveis, lanchonetes, restaurantes e muito mais!

Quanto ao transporte público, o Sudoeste não possui estações de metrô, mas conta com diversas linhas de ônibus urbanos que circulam pela região, para levar os moradores ou visitantes até diversos pontos da cidade. 

Agora, devido ao alto poder aquisitivo dos residentes desta RA, o maior volume no transporte é por meio de automóveis, sendo que os ônibus são muito procurados por estudantes e trabalhadores do bairro.

E com relação à moradia, existem diversos condomínios fechados que contam com estacionamentos, segurança privativo, áreas de lazer e um amplo centro comercial ao seu redor, onde é possível encontrar também o Terraço Shopping, que possui mais de 140 lojas de diferentes segmentos, para o maior conforto da população local.

O que fazer no Sudoeste?

O primeiro ponto a ser considerado é que esta região administrativa está inserida em uma área da cidade que foi tombada pelo Patrimônio Histórico da humanidade. Além disso, ela se situa bastante próxima do Parque da Cidade, do Eixo Monumental e da Torre de TV.

E quando o assunto é gastronomia, o Sudoeste não deixa nem um pouco a desejar. Por lá podem ser encontrados inúmeros bares, restaurantes e lanchonetes, capazes de agradar quaisquer visitantes. Veja alguns deles na lista a seguir:

  • Piratas Bar;
  • Primeiro Cozinha de Bar;
  • Brazilian American Burger;
  • The Black Beef;
  • Hum! Burguer.

Agora, quanto às opções de lazer, o Sudoeste Octogonal oferece as mais variadas, sendo que existem diversos parques, onde se consegue ter contato com a natureza, praticar atividades físicas e muito mais.

Na lista a seguir você confere alguns dos inúmeros ambientes destinados ao lazer no Sudoeste Octogonal:

  • Academia da 3ª Idade;
  • Pista de skate Sucata;
  • Parquinho Criançada Feliz;
  • Praça das Motos;
  • Parque Ecológico da Sucupira;
  • Bosque dos Pinheiros;
  • Parque Bosque do Sudoeste.

São muitas opções para o lazer dentro da região Sudoeste. Mas é importante estar atento pois, devido à pandemia, muitos destes locais podem estar fechados temporariamente.

 

Neste texto você pôde conhecer diversas informações que são capazes de descrever como é morar no Sudoeste em Brasília ou na região Octogonal.

Como foi possível observar, a infraestrutura local, segurança e demais serviços, como os bancários, alimentícios, de saúde, educação, transporte são muito bem planejados e proporcionam aos moradores muito conforto e qualidade de vida.

Você conhece algum outro lugar legal no Sudoeste? Compartilhe conosco.


Horário de Onibus

Indique o número da linha ou nome da cidade.

Informações disponibilizadas por Horário de Onibus DF

www.horariodeonibusdf.com.br